AEIST – Associação dos Estudantes do Instituto Superior Técnico, reunida em Assembleia Geral de Alunos, rejeitou hoje o Acordo Ortográfico de 1990 no seguimento da aprovação de uma moção com quatro pontos, votados individualmente.

  • O ponto 1, propondo o “abandono do Acordo Ortográfico de 1990 em todos os documentos e comunicações oficiais da AEIST”, foi aprovado com 30 votos a favor, 4 contra e 11 abstenções;
  • O ponto 2, propondo uma “tomada de posição pública da AEIST contra o Acordo Ortográfico de 1990” foi aprovado com 27 votos a favor, 4 contra e 14 abstenções;
  • O ponto 3, propondo a “defesa, por parte da AEIST, da revogação do Acordo Ortográfico de 1990 junto dos órgãos de governo do Instituto Superior Técnico, assegurando que nenhum estudante seja prejudicado por recusar escrever segundo o AO” foi aprovado com 41 votos a favor, nenhum voto contra e 4 abstenções;
  • O ponto 4, com a “proposta de revogação do Acordo Ortográfico de 1990 em Encontro Nacional de Direcções Associativas (ENDA), no sentido de dar início a um movimento nacional de estudantes do Ensino Superior contra o AO” foi aprovado com 27 votos a favor, 2 contra e 16 abstenções.

[Transcrição integral do texto publicado na página Desacordo Técnico (no Facebook) a 17 de Maio de 2012.]